Thay Barbosa

     

02 maio 2017

Vamos Falar sobre Relacionamentos?

Adoro ler sobre histórias de amor, nada melhor que ler um romance para esquecer que a vida anda meio despencada não é mesmo? Sempre fui uma garota muito ligada ao romance de novela, sempre acreditei que o amor existe nas horas mais tentadoras. Pois hoje eu irei contar as minhas duas Historias para vocês, mas que diferente disso não obteve  finais felizes.

Vamos começar com a maior decepção possível. Em 2014 voltei para a escola depois de passar por um período complicado da minha vida. Em 2013 tive que me afastar da escola por sofrer de depressão, no entanto voltei no ano seguinte disposta a fazer com que as coisas fossem diferentes. Conheci um pessoal muito bacana e confesso que estava com saudade dos meus amigos e do climão de escola!! ( lembrando que retornei para a escola já no terceiro ano do ensino médio.) Pois vamos falar do meu querido e amado X. Vamos chama-lo assim. X era super engraçado mas desde sempre existia umas intriguinhas (X adorava provocar ciumes). E eu como ciumenta  caia sempre nas brincadeirinhas. Começamos a namorar, e ainda me lembro do nosso primeiro beijo e como X no inicio se demonstrava o príncipe que eu sonhava  ter para contar para meus netos. No entanto eu sofria muito preconceito na escola devido X ser um pouco abaixo da popularização e da BELEZA exigida pelos padrões. X tinha exatamente 1,70 e era bem gordinho. Sempre que passava pelos corredores escutava comentários como " Ele é feio de mais pra você" "X é muito gordo como você dá conta?" entre outros que prefiro esquecer. Eu preferia guardar isso tudo para mim, não gostava de ver X sofrer por isso. Me deixava triste.

Então no terceiro mês as coisas foram mudando, X foi ficando irreconhecível," aquele era mesmo meu namorado?". Essa era a pergunta que eu me fazia todos os dias quando chorava antes de dormir. X havia mudado tanto que me machucava a cada palavra. X me humilhava de todas as formas possíveis, principalmente de modo econômico. Eu estava num beco sem saída, em um circulo de portas em que toda vez que eu abria era mais um empurrão. X se tornou uma pessoa que no qual eu não suportava mais tanta humilhação. X tinha a terrível mania fazer  me sentir um completo lixo. Perdi peso, e chorava na escola. Me sentia pressionada a fazer várias coisas, inclusive as que eu não queria. X se tornara um monstro em forma de gente...me tirou do meu grupo de amigos, me fazia ter brigas constantes, X odiava sair comigo e quando saia me podava de muitas coisas até mesmo de conversar. X então resolveu dar um ponto final em tudo. E acabou tudo bem? engano. X começou a me caluniar de todas as formas e me chamava de Louca todas as vezes que me via. Eu ainda me pergunto: SERÁ QUE TUDO QUE FIZ POR X NÃO VALEU DE NADA? SERÁ QUE EU NÃO MEREÇO UM POUQUINHO SE QUER DE CONSIDERAÇÃO E RESPEITO? X hoje? Pouco o vejo mas com tudo ainda consigo tirar proveito dessa história. Aprendi muito. E POR MAIS QUE ISSO TUDO SEJA DEGRADANTE eu não sinto raiva de X, QUERO QUE X SAIBA QUE TAMBÉM FOI IMPORTANTE NA MINHA VIDA. Apenas isso basta!


Agora vamos esquecer de X e vamos falar de P. Quero o chamar assim já que P é a primeira letra do seu nome. Foi em meados de 2015, ainda me lembro que o dia estava triste pois o Brasil havia perdido um dos seus melhores cantores sertanejos. Cristiano Araújo era notícia em todo lugar. Ah!! a quarta parecia domingo sem graça! 24 de junho recebi um convite inesperado no facebook era P. ( P. é meu vizinho) Então começamos a conversar...então surgiu uma atração enorme e como já era de se esperar acabou rolando. Eu estava gostando pois tinha acabado de sair de um relacionamento conturbado com X. e precisava me distrair. P foi a melhor pessoa que já me apareceu, P é de peixes e eu de áries, me envolvi com P durante 1 mês e garanto que foi o melhor mês da minha vida. Eu ri muito, eu sai muito, eu realmente fui feliz durante 1 mês. P é o verdadeiro homão da porra!! HOMÃO MESMO P TEM MAIS DE 1,80 hahaha'. Me lembro até hoje do dia de sábado quando P me pareceu triste e sério. Saímos, comemos uma pizza e fomos para casa! P me deixava sempre na esquina de casa, um pouco abaixo de onde nos abraçamos fica a principal lagoa da cidade. P olhava para a lagoa como se estivesse olhando pela ultima vez. (sim eu senti isso). Se eu soubesse que esse seria o último abraço eu teria ficado um pouco mais, ou até a noite inteira se fosse permitido. P uma semana depois decidiu terminar...Senti-me mau porém não posso obrigar ninguém a ficar comigo não é mesmo?. Aceitei o fim...1 ano depois eu descubro o verdadeiro motivo, P havia sido diagnosticado com câncer. Eu fiquei triste e chorei noites e noites...me senti culpada de não ter procurado ficar mais ao seu  lado. P passou por  muita coisa. P havia dito que eu não merecia sofrer com ele e por ele.

E QUANDO ME PERGUNTAM SE EU JÁ RECEBI UMA PROVA DE AMOR? Eu falo que sim. Na minha opinião P fez por mim oque X nunca faria, ME PRIVAR DO SOFRIMENTO. Eu cheguei a fazer um acordo com Deus que se fosse de sua vontade que P permanecesse vivo eu nunca mais o pediria nada. Então ele fez a parte dele e eu? estou fazendo a minha. P está curado, e eu? completamente orgulhosa das minhas lutas e desilusões amorosas. Pois sei que isso me fez ficar mais forte, me obrigou a amadurecer e com isso também aprendi a ver a vida de uma forma melhor e mais bonita, por mais que eu esteja sangrando por dentro. Para P eu tenho um recado: QUERO QUE SAIBA QUE 1 MÊS AO TEU LADO ME VALEU A VIDA INTEIRA, E QUE SE EU PUDESSE ESCOLHER, AINDA TE ESCOLHERIA OUTRAS MIL VEZES.

E então meninas, para mim esse post foi mais que um desabafo. Vocês já passaram por histórias de amor? hahaha'

Mil beijinhos :*


13 comentários:

  1. Cara, que história! O seu primeiro relacionamento do post é algo comum, por mais infeliz que seja, então a surpresa acaba sendo para a segunda parte do post. Nossa, parece roteiro de filme! Triste o que você passou, mas pelo menos te fortaleceu. Uma hora seu príncipe aparece! Boa sorte e parabéns pelo blog!

    ResponderExcluir
  2. Que legal seu texto! Bem desabafo mesmo hehe. Já passei por algumas histórias de amor, mas nenhuma igual há que vivo desde 2012, realmente encontrei meu príncipe hehe. Te desejo sorte e sucesso! Beijos!!

    www.gotadechampagne.blogspot.com.br

    ResponderExcluir
  3. QUe deesabafo hahaha Mas escola geralmente é assim, uma galera babaca, que gosta de ofender, e homem idiota tem em todo lugar. Muito "bonito" o que o P fez por vc, mas fico pensando se não seria melhor terem enfrentado tudo junto. Se ele éo que vc quer, corre atras!

    ResponderExcluir
  4. Uau.. Cada palavra, um sentimento e uma intensidade diferente! A vida as vezes nos prega peças para testar o quão fortes somos! Acredito que P apareceu na sua vida para relembrar que o amor existe e que pessoas boas tambem! Que não é porque X era um babaca que todos seriam! P te mostrou o amor ao próximo. P é bem pisciano mesmo, signo que faz de tudo para evitar o sofrimento alheio! P foi um dos seus amores e te preparou para um futuro amor, te mostrando que você jamais deve aceitar nada que seja menos do que ele e seu pai te tratam!

    ResponderExcluir
  5. Uau! Conheço vários e vários parecidos com o X, infelizmente esse tipo fica mais forte quando encontra meninas fracas. Acho que por isso é fundamental as meninas amadurecem com seus relacionamentos e com o tempo conhecerem pessoas que entendem o que significa respeito! Já o P caramba! A vida realmente nos surpreende, não!? :(

    ResponderExcluir
  6. Amei o textão, acho que muita gente deveria ler esse post. Já tive vários tipos de relacionamentos, hoje graças a Deus tenho outros pensamentos, amadureci muito e tô bem feliz! Ameeeeei o blog também!

    ResponderExcluir
  7. Que arraso esse seu texto! Esse post deve ser compartilhado no mundo inteiro, todos devem ler ele. Nem sei o que falar dele! Adorei, sucessos para você!♥

    ResponderExcluir
  8. Nunca me identifiquei tanto, parece que escreveu minha história neste post! Tive um X na minha vida mas ele me deixou MUITAS inseguranças mas ai depois de tudo, apareceu o L na minha vida e a cada dia tem feito eu voltar o que eu era, em uma versão melhor de mim mesma.
    Beijos

    ResponderExcluir
  9. Hey!
    Sabe, passei por algo parecido no ensino médio... Só que não cheguei a ser diagnosticada com depressão, na verdade nem fui a um médico... Tive que aguentar a barra sozinha, sem contar pra ninguém, mas mesmo assim o que sofri acabou me fazendo repetir de ano... Bullying é algo terrível e isso me tirou um pedaço da minha adolescência, em plenos 10 anos... Mas aí tive chance de recomeçar em outra escola, com amigos que cultivo até hoje... Mas mesmo assim passei por uma desilusão amorosa lá por conta do medo que tava muito recente em mim... Mas tudo ajuda a gente amadurecer né?! Relacionamentos, seja namoro ou amizade, nos faz crescer e amadurecer pra vida!

    bjs

    Inajara

    www.vintageandgeek.com.br

    ResponderExcluir

  10. Menina, que historias de amor são essas? Achei mais interesante que as novelas da Globo rsrs. O que é mais legal é que você não inventou ou pegou de alguem, essa é a sua historia de amor. Não teve um final tão feliz? NÃO. Mas é a sua historia e isso te ajudou a ser a pessoa maravilhosa que é hoje

    ResponderExcluir
  11. Relacionamentos são realmente bem complicados, já tropecei em alguns turbulentos pelo caminho e aprendi que o tempo realmente cura tudo e nos torna as melhores pessoas do mundo, você foi uma guerreira de verdade. Um beijo moça!

    ResponderExcluir
  12. Uaaal! Que desabafo, hein! Adorei a forma como você escreveu, intrigante. E a vida é isso mesmo, uma rosa gigante que gira, da voltas, mas um dia essa roda vai parar de girar, ou posso dizer, parar de girar para o "lado errado" e você vai achar seu caminho, seu príncipe. Me entende? Parabéns pelo texto, amei forte <3

    Beijão!

    ResponderExcluir
  13. Falar sobre relacionamentos é sempre complicado, mas gostei da forma como você abordou. Foi leve e até um tanto divertido.

    ResponderExcluir